11 de fevereiro de 2015

Amália.



Essa voz que me encantou,
quando eu menina sonhava,
tem a magia que ficou,
Amália para mim cantava. 

Toda a cor do céu,
toda a água que tem o mar,
tudo em mim se confundiu,
quando te ouvi cantar.

Na voz o sabor do sal,
das lágrimas que são contidas,
no Fado escondes o mal,
das tuas dores sofridas.

Tua voz têm por magia,
misturar sentimentos
vendo na tristeza Alegria,
e no mal contentamentos.

Amália tu sabes bem
que o Amor é sofrido,
por isso cantas bem,
mesmo no Fado corrido.

Amália eterna serás,
por todo o bem que cantas-te,
no pedestal brilharás,
e sorrindo te verás,
julgando que ressuscitas-te.

Mtmartinho 1991


2 comentários:

  1. Uma homenagem espetacular feita à nossa Linda Amália, Parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Menina menina
      Flor de Primavera
      Quem te deu a sina
      Quem tua já era.

      Obg

      Eliminar