19 de dezembro de 2015

Ilha Feiticeira


Perdida no mar, 
existe um pedacinho de terra
de uma beleza ímpar. 
Nunca a natureza
juntou assim tanta beleza,
ao ponto do poeta
ter que soletrar
essa beleza a cantar.
Ilha da moça feiticeira,
de traje tradicional
baixo da bela figueira
em tarde afável
prontinha para amar.
Ao redor da Lagoa formosa,
ternurenta como rosas
esperando poemas ao luar,
vaidosa como a Lua,
cristalizada amorosa,
sinistra e bela,
sedutora e querida
sempre a espelhar.

by mghorta 


2 comentários: