3 de março de 2017

Tentação.


Não te vejo mas sinto que me espreitas, entre a folhagem do meu Paraíso, rodeias-me com a ternura do teu olhar, sinto o pulsar do teu coração, sinto o calor das tuas mãos, cheira-me a coco a tua pele e sei as sensações que tua presença me provoca.
És a tentação que me desafia a cada momento improvisado, fazes do meu jardim um Éden, quando deixas teu perfume solto no ar como demarcando teu o meu território, quando deixas de espiar os meus pensamentos insanos como que apressar os momentos para que nosso abrigo seja uno.
Sei onde estás mas continuo escrevendo entre linhas mastigando minha loucura de pensamentos históricos que não confesso até que me apresso em que se tornem em nada.
Sereno, sozinho e tranquilo na minha quietude vou deixar que me descubras lentamente.

by mghorta   (mamas à solta)


Sem comentários:

Enviar um comentário