16 de março de 2017

Partida!

Assisti à tua partida resignado
como um pássaro que deixou de voar,
como se ficar sem ti não fosse pouco,
só o relampejo de dia chuvoso no ar.

Te vi andar sozinha pela estrada
oposta de um caminho que não sabias andar
quando vinhas me encontrar acompanhada
para que tuas dores em meus braços repousar.

Só agora me apercebo assustado
que há muito perdi o rugido
deste verso sem rima aterrorizado;

Em que fiquei prostrado contemplando
os risos, os sons, os espasmos do teu descaso
em meu canto como que procurando ao acaso
as razões de tua partida naquele dia chuvoso!

by mghorta


Sem comentários:

Enviar um comentário