3 de janeiro de 2016

Às 4 da Madrugada!



Já passava das 4 da manha, mas não é tarde,
sinto que não é, estou acordado,
pensar em ti, muito mesmo sem o querer,
que coisa mais complicada...
Estou a navegar, nas nuvens nos satélites,
nas estrelas, nos meus sonhos.
Estou a navegar na minha imaginação,
navegar na tua silhueta,
navegar na tua beleza, 
navegar nos teus sorrisos,
no teu esplendor e teu semblante.
Aqui estou na net a navegar à tua procura,
acreditando que te vejo sem te vendo,
que te ouço sem ouvir,
puxando pela imaginação,
quero estar perto de ti sem aqui estares...
Meus pensamentos me atraiçoam,
eu atraiçoo os meus pensamentos
e eles vão submetendo-se a mim,
aos meus desejos à minha imaginação...
Com eles sinto-me aqui, bem perto de mim,
ouvir-te, ver-te, olhar-te e quem diria a tocar-te...
É assim o meu navegar, o meu navegar na noite,
noite profunda, já passava das 4 da manha!
Tremo, vibro, arrepio-me, seguro-te,
largo-te e seguro-te novamente,
é assim os meus pensamentos envoltos em beijos e caricias.
no meio de nossas bocas que se procuram,
que se desejam, que tremem, 
que enlouquecem e se alegram...
Meus beijos te procuram desenfreadamente,
sem tino, sem controle, com loucura,
procurando pela doçura dos teus beijos...
Um beijo, muitos beijos, 
beijos loucos como só os loucos sabem beijar...
Adormeci a navegar, assim viajei pela net,
porque tu existes e cruzaste-te no meu sonho,
porque estás perto de mim e eu de ti,
porque gosto de beijar a qualquer hora,
e tudo isto já passava das 4 da manha..

by mghorta



Sem comentários:

Enviar um comentário