9 de maio de 2015

Silêncio!


O mundo que vivo não me acolhe a alma, sinto ausência em mim de ar, falta-me a coragem de partir e não mais voltar.

O que vês em meus olhos já não demonstram o que sou interiormente, disfarço-me em rostos que se figuram no amanhã, nas vozes repetitivas que lembram as lembranças com saudade, talvez de coisas que nem sequer existiram e passaram ao silêncio. ..

by mghorta


Sem comentários:

Enviar um comentário